Câncer na Vulva – Diagnóstico e Tratamento

O que é 0

A Vulva é a parte externa da genitália feminina. A Vulva age protegendo a vagina. Sua formação é composta pelos grandes lábios, pequenos lábios, uretra, clitóris e orifício vaginal. Os grandes lábios se posicionam ao redor dos pequenos lábios. Ao se unirem eles formam o chamado monte de Vênus. O monte de Vênus é uma elevação coberta por pêlos.

Pode ser de a pessoa desenvolver um câncer de Vulva. Este é um tipo de câncer que acomete uma das partes da Vulva. O tipo mais comum de câncer de Vulva é o carcinoma espinocelular. É um tipo de câncer de pele que aparece na Vulva devido ao surgimento de alguma mancha ou feridinha que tenha cicatrizado. Normalmente o câncer de Vulva é mais comum em mulheres que já tenham atingido a menopausa, entretanto, o câncer de Vulva também pode ocorrer em pessoas mais jovens devido a uma série de fatores.

Quando a pessoa está com câncer de Vulva um dos sintomas mais freqüentes é o surgimento de uma feridinha que não cicatriza. Este tipo de câncer pode começar com o surgimento de um pequeno caroçinho ou alguma mancha que vai evoluindo e aumentando de tamanho até formar uma ferida. A ferida também pode surgir devido a alguma coceira na área que por anos fica incomodando a pessoa. Ao coçar ela vai piorando a situação e depois de um tempo a coceira dá lugar a uma feridinha. É preciso ficar atento, caso exista alguma feridinha em você que nunca cicatriza, procure um médico e realize os exames que serão solicitados por ele.

Tratamento e Diagnóstico do Câncer na Vulva

O câncer de Vulva pode ser tratado levando em consideração dois locais, a Vulva e a região da virilha. Pode ser indicada uma cirurgia para retirada do tumor com bastante segurança. O tamanho e a gravidade da cirurgia, entretanto, depende muito do tamanho e da gravidade do tumor. Quanto mais cedo diagnosticado maior é a probabilidade de cura do câncer de Vulva.

O diagnostico do câncer de Vulva é realizado através de uma biópsia da feridinha ou da mancha. O câncer de Vulva pode ser prevenido indo constantemente ao médico. Pessoas idosas com feridas muito antigas devem procurara um médico. Pessoas que já tenham tratado algum tipo de HPV e as pessoas portadoras de AIDS também devem realizar exames frequentemente para evitar problemas com relação a um câncer de Vulva. Tenho o hábito de consultar um médico regularmente.

Termos de Busca:

Leia Também:



Deixe um Comentário »