Charges – Cultura e Diversão

O que é 0

Você provavelmente já deve ter visto ou ao menos ouvido falar do que são Charges. Devido ao uso extensivo da linguagem visual com o objetivo de satirizar qualquer coisa, as Charges estão cada vez mais presentes no dia-a-dia da população mundial. No texto a seguir, vamos tentar explicar um pouco mais sobre as origens e propriedades desse tipo de ilustração tão peculiar. As Charges são um tipo de ilustração, desenho, ou formato de se contar uma história em quadrinhos que tem como objetivo principal satirizar ou humorizar alguma situação específica. Para tal, as Charges utilizam-se de desenhos chamados caricaturas que, em si, já são uma forma de se desenhar um personagem real de forma a enfatizar suas características físicas na busca de um efeito de humor.

O termo charge é derivado da palavra francesa charger, que significa carga ou exagero em sua linguagem de origem. Alguns estudiosos e historiadores defendem a ideia de que as primeiras Charges foram criadas no início do século XVII, na própria França, quando o estilo Burlesco dominava as peças teatrais no país, porém a ideia mais difundida é de que as Charges foram criadas no início do século XIX. Ainda que as Charges sejam utilizadas para retratar diversos aspectos do social de uma determinada região, no Brasil, as Charges são utilizadas principalmente para satirizar situações e personagens políticas.

Humor com cultura nas Charges

Ao definirmos o que são as Charges, é importante sabermos diferenciá-las dos cartuns (cartoons). Ainda que os dois estilo de ilustração busquem satirizar alguma situação, os cartuns são utilizados para retratar situações corriqueiras, ou seja, situações do dia-a-dia da sociedade. As Charges, por sua vez, são utilizadas para satirizar um evento ao mesmo tempo em que uma mensagem sobre tal evento é transmitida, por isso, as Charges são consideradas um estilo de humor com certa bagagem cultural. Por esse motivo, em especial, as Charges são “temidas” por pessoas públicas.

Para atingir o efeito cômico desejado, as Charges se utilizam de diversos recursos e estratégia de discurso. Além de sua linguagem visual tão característica, as Charges utilizam-se de diversos recursos linguísticos também bem característicos para atingir seu objetivo. Alguns dos recursos utilizados são: exagero, apelo ao ridículo, ruptura discursiva, polifonia e intertextualidade.

Atualmente, diversos telejornais utilizam-se de Charges em suas transmissões diárias, porém essa prática é desencorajada por diversos críticos, pois, segundo eles, essa é uma forma de se influenciar a opinião comum. Hoje em dia, existem diversos websites especializados na criação e disseminação da comédia através do uso de Charges. O Charges UOL (http://Charges.uol.com.br/), por exemplo, faz cada vez mais sucesso na WEB.

Termos de Busca:

Leia Também:

Deixe um Comentário »