Pronomes Demonstrativos – Definição e Exemplos

O que é 0

A nossa língua portuguesa é cheia de sutilezas que, muitas vezes, acabam fazendo com que muitas pessoas desistam de estudá-la. É claro que tudo seria mais fácil caso pudéssemos implantar em nossos cérebros um conteúdo pré-admitido, mas também é claro que, mesmo que isso acontecesse, perderíamos todo o processo que nos leva ao prazer: esse processo duro, que exige esforço e que, no fim, é muito satisfatório.

Hoje iremos lhe ensinar um pouquinho mais sobre os Pronomes Demonstrativos. Espero que não seja uma aula cansativa, e, mesmo que seja, lembre-se: faz parte! Isso mesmo, faz parte do processo de aprendizado e no final, é claro que você vai adorar saber um pouquinho mais sobre a nossa língua, a qual revela tanto sobre a nossa história.

Primeiramente, vale recordar um pouquinho sobre o que são os pronomes. Pronomes, para quem não está lembrado das aulas no colégio, servem para determinar as pessoas em um discurso e fazem isso através do gênero e do número. Sendo assim, quando digo: Eu andei até muito, mas muito longe! Posso saber que quem andou, foi a primeira pessoa do singular e não a segunda, e é neste momento que o pronome mostra para que serve.

Tipos e Exemplos de Pronomes Demonstrativos

Agora, existem também muitos tipos de pronomes: os pronomes pessoais; os pronomes demonstrativo etc.etc. Quanto aos Pronomes Demonstrativos, referente ao nosso estudo de hoje, podemos classifica-lo como tendo a função de deixar claro qual a posição de uma palavra em relação à outra dentro de uma mesma oração, sendo, que esta relação poderá se dar através do espaço e do tempo.

Um exemplo de classificação que se dá em relação ao espaço é: Comprarei este livro hoje para mim! “Este” é um pronome demonstrativo que marca explicitamente a posição da palavra no espaço, ou seja, “este” significa que o livro está muito próximo do sujeito da frase, no caso, eu. Caso eu dissesse: Esse livro é mais bonito do que este, poderíamos imaginar que o primeiro livro, “esse”, está mais longe do sujeito da frase do que “este” livro que está sendo comparado.

Agora, iremos dar um exemplo de classificação que se dá em relação ao tempo: Este ano vai ser muito bom! “Este” significa que o ano que está sendo exemplificado na frase é ano atual, o ano de agora, o ano de 2012; caso eu dissesse “esse” ano foi muito legal?, estaria me referindo ao ano que passou, que já foi.

Gostou da aula? Aproveite-a bastante e corra para estudar mais ainda e aprender o dobro!

Termos de Busca:

Leia Também:

Deixe um Comentário »