Remédio para Ansiedade

O que é 0

Os remédios para ansiedade, como o próprio nome diz, são drogas utilizadas para acalmar o paciente e diminuir a ansiedade. Também chamados de ansiolíticos, esse tipo de medicamento, ao serem ingeridos em pequenas doses (de acordo com prescrição do médico profissional) não causam danos mentais ou físicos.

Descobertos em 1950, esses medicamentos foram bastante utilizados nas décadas de 60, 70 e 80. Nessa época, cerca de 10% da população era responsável pelo consumo de ansiolíticos se forma esporádica ou até mesmo regular.

A ansiedade, atualmente, acomete centenas de indivíduos em todo o mundo. Na verdade, ela é inerente ao ser humano e sempre nos serviu como um sinal de alerta, preparando-nos para situações inéditas. Geralmente, os sintomas da ansiedade aparecem quando encaramos desafios, mudanças ou novas experiências. Podemos pegar como exemplo um médico recém-formado que está prestes a fazer sua primeira cirurgia oficial. Esse processo faz com que ele se torne ansioso e pratique mais do que o suficiente, reduzindo as chances de falhas.

Remédio para Ansiedade Patológica

Apesar de ser bastante inerente a nós, a ansiedade também pode ser patológica, ou seja, considerada como uma doença. Alguns indivíduos sofrem desse mal e acabam, consequentemente, enfrentando depressão, síndrome de pânico, entre outras enfermidades. Essa apreensão desagradável pode deixar o paciente paralisado em diversas questões da vida, prejudicar seu rendimento em tarefas diárias e também impedir que ele enfrente situações ameaçadoras.

Nos casos de ansiedade patológica é que entram os medicamentos ansiolíticos, que tem por objetivo diminuir a ansiedade e exercer um efeito calmante. Os remédios para ansiedade tem pouquíssimos efeitos sobre as funções mentais ou motoras do indivíduo.

O excesso da ingestão de ansiolíticos, como qualquer outro excesso, pode causar sérios danos à saúde. Graças a isso, a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu a venda desse tipo de medicamento (e de muitos outros) sem a apresentação da receita prescrita pelo médico especializado. Também é importante lembrar que o efeito dos remédios para ansiedade aumenta se consumidos junto com bebidas alcoólicas.

Como a modernidade tem acarretado uma série de casos de depressão, síndromes e ansiedade, a indústria farmacêutica tem crescido cada vez mais em cima disso. A variedade de ansiolíticos não acaba nunca, mas é sempre bom ficar de olho na quantidade de medicamentos falsos disponíveis no mercado. Alguns dos remédios para ansiedade mais conhecidos são o Clonazepam, Diazepam, Alprazolam e o Bromazepam. Entretanto, antes de ingerir qualquer medicamento ansiolítico, consulte sempre um médico psiquiatra para avaliar o seu quadro e verificar a real necessidade de um tratamento para ansiedade. Seja contra a auto-medicação.

Termos de Busca:

Leia Também:



Deixe um Comentário »