Tamanduá Bandeira – Características e hábitos

O que é 0

O tamanduá-bandeira, mais conhecido como papa-formigas, é um mamífreo sem dentes, que vive sozinho, tem personalidade calma e é bastante cauteloso. O seu hábito alimentar é de caçar tanto de dia como de noite e ele se alimenta de insetos basicamente. Ele é natural da América Central ao Sul, com limite na Argentina. Infelizmente, por conta da ação humana, esse animal está em processo de extinção.

O tamanduá-bandeira tem pelos espessos, especialmente grandes na cauda. O focinho é cilíndrico. Embora seu olfato seja apurado, aproximadamente 40 vezes a mais do que o ser humano, a sua visão é bem comprometida, não é eficiente. Por conta de ter o olfato bem apurado consegue encontrar um formigueiro rapidamente.

O peso de um adulto de tamanduá-bandeira chega a 40 kg e ele tem comprimento de até 2 metros, contando com cauda e altura pode alcançar 60 cm. Esse animal possui uma cor acinzentada, com listras largas diagonais pretas com as bordas brancas.

Características do tamanduá-bandeira

O tamanduá-bandeira possui garras dianteiras muito fortes e bem longas, sendo suas maiores ferramentas naturais para escavar paredes dos formigueiros e cupinzeiros, que são em geral, bem resistentes. Depois de fazer isso, ele coloca sua língua dentro e ela é bem pegajosa e também bem comprida, chegando a 60 cm. Esse tamanho todo tem uma explicação: dessa forma o animal consegue adentrar com plenitude as galerias do formigueiro e levar os insetos à sua boca. Não só são formigas, mas também outros, como besouros, cupins e larvas.Diariamente, o tamanduá-bandeira tem a capacidade de ingerir até 30 mil insentos.

As garras longas não servem somente para fazer escavações, mas são verdadeiras ferramentas de defesa de seus predadores. No momento que precisa se defender, ele agarra seu predador e crava suas as longas garras.

Por haver caça indiscriminada, queimadas nas florestas que também prejudicam o animal porque os seus pelos são altamente inflamáveis e ainda pela pecuária está cada vez mais avançando cerrado adentro, não permitindo que o animal viva e possa se entocar, o tamanduá-bandeira está ameaçado de extinção.

Ele é um animal que só é visto em grupo na fase da sua reprodução, geralmente na primavera. A fêmea tem somente um filhote por ano e esse nasce depois de uma gestação de cerca de seis meses. O pequeno nasce com cerca de 1,3 kg, é carregado no dorso de sua mãe e alimentado somente de leite nos primeiros nove meses.

Termos de Busca:

Leia Também:

Deixe um Comentário »